Portos do Rio Grande do Sul tem expressivo movimento em maio de 2017

Compartilhe esse artigo

A Superintendência do Porto do Rio Grande concluiu a análise dos dados estatísticos do mês de maio de 2017. No acumulado do ano, o porto rio-grandino registra crescimento de 5% comparado ao mesmo período do ano passado. Porto Alegre e Pelotas também registraram aumento nos cinco primeiros meses do ano. Apenas o porto em Rio Grande movimentou mais de 15,9 milhões de toneladas sendo que o principal destaque foi a carga geral.

O segmento de Carga Geral pela primeira vez registrou movimento bruto superior a um milhão de toneladas em um único mês. A marca de maio foi recorde para o complexo portuário e vem impulsionado por produtos como celulose, toras de madeira, fumo e produtos químicos. “O principal produto do Porto do Rio Grande é o grão de soja e depois outros elementos do campo gaúcho. Esse formato é uma característica do nosso Estado. Com determinação, seguindo as orientações do secretário Pedro Westphalen, do secretário Fábio Branco e do Governador José Ivo Sartori buscamos dinamizar as cargas no porto e atrair novos produtos e investimentos. O resultado está chegando nos números que se apresentam”, avalia o diretor superintendente do Porto do Rio Grande, Janir Branco.

Portos do Rio Grande do Sul

 

O segmento de Carga Geral movimentou apenas em maio 1.013.485t, acumulando em 2017 4.277.036 toneladas. O granel sólido acumula 9.796.316t enquanto os líquidos somam 1.884.434 toneladas, nos cinco meses do ano. A movimentação total do complexo chega a 15.957.786 toneladas, crescimento de 5,8% com relação ao mesmo período de 2016. O complexo soja (óleo, farelo e grão) acumula crescimento de 8,5%, ultrapassando a marca 5,7 milhões de toneladas.

Pelotas e Porto Alegre

Os portos de Pelotas e Porto Alegre também tem registrado uma grande movimentação no ano de 2017. O porto da capital registra alta de 31,6% em sua movimentação, chegando a marca de 338.545 toneladas. Já o Porto de Pelotas ultrapassou toda a movimentação de 2016 em apenas cinco meses. O porto pelotense já registra 321.774t, são 43 mil toneladas a mais do que todo o ano passado.

Fonte: https://www.portosenavios.com.br

Portos do Rio Grande do Sul

Mais artigos

oferta e demanda do frete marítimo
Geral

Oferta e demanda do frete marítimo: é preciso monitorar o mercado

O importador e o exportador que tentarem fazer uma previsão demasiadamente antecipada sobre o comportamento da oferta e demanda do frete marítimo mundial correm o risco de errar diante de cenários tão dinâmicos e voláteis. Este foi um dos alertas que o diretor comercial do Grupo Allog, Rodrigo Viti, e o diretor da Solves Shipping

embarque
Blog

Conhecimento de embarque: a importância no transporte aéreo

Os documentos desempenham uma importante função nas transações internacionais, seja na importação ou na exportação e um deles é conhecido como o conhecimento de embarque. No transporte aéreo chama-se AWB (Airway Bill), o principal documento de um processo de embarque aéreo, o documento contratual de transporte entre o transportador e o embarcador. O conhecimento de

Rolar para cima
Previous slide
Next slide