ALLOG BLOG

Informação, notícias e atualidades para
você ficar por dentro do seu mercado.

Assine e receba por email

Projeto pernas solidárias ganha o patrocínio da Allog

27 de agosto de 2018

pernas solidárias

Completar uma corrida é o sonho de muitos atletas, independentemente das condições físicas. Mas se você pudesse “emprestar” suas pernas para que alguém tivesse a mesma sensação, você faria? Pois é exatamente o que propõe o projeto Pernas Solidárias, organização sem fins lucrativos que passou a receber apoio da Allog, empresa especializada em logística internacional com matriz em Itajaí (SC).

A proposta do projeto é proporcionar esporte, inclusão e solidariedade com ajuda de uma cadeira de rodas especial e um corredor disposto a empurrá-la. O projeto proporciona a pessoas que nunca andaram ou perderam os movimentos das pernas a possibilidade de competirem corridas de rua. O projeto surgiu em Joinville, no norte de Santa Catarina, mas já se espalhou por várias cidades do país. Com a iniciativa, os primos Cleiton Luiz Tamazzia e Rodrigo Tamazzia oferecem a voluntários condutores e cadeirantes a oportunidade de interagir, unindo e envolvendo pessoas, famílias e sociedade.

Em 2016, quando projeto surgiu, eram duas pessoas: um condutor e um cadeirante, que participavam de corridas em Joinville e região. Hoje, a iniciativa conquistou dezenas de pessoas e conta com mais de 100 condutores inscritos para o projeto. O número de cadeirantes interessados em participar do Pernas Solidárias também cresce diariamente.

Atualmente, até quem não corre pode ajudar o projeto Pernas Solidária: basta comprar as camisetas alusivas ao projeto social sem fins lucrativos, que visa a inclusão de cadeirantes no mundo das corridas de rua. O objetivo da campanha “Solidariedade é o amor em movimento” é arrecadar recursos para compra e manutenção de triciclos para que mais cadeirantes participem de competições.

O jogador Falcão, ídolo da seleção brasileira de Futsal, é um dos apoiadores do Pernas Solidárias. Já corre nas redes sociais a foto dele vestindo a camiseta da campanha, uma forma de incentivar mais pessoas a contribuírem com o projeto.

Trocar versão