Os números superlativos da Copa do Mundo 2018

Compartilhe esse artigo

Quer saber qual o orçamento da Copa do Mundo de 2018? Ou quantos milhões de turistas são aguardados na Rússia? E o número de jogos da competição?

A Copa do Mundo de 2018 será a 20ª edição deste evento esportivo, um torneio internacional de futebol masculino organizado pela Federação Internacional de Futebol (FIFA). A edição será a primeira realizada no Leste Europeu e a décima primeira realizada na Europa, depois de a Alemanha ter sediado o torneio pela última vez no continente em 2006.

Chegar à Copa do Mundo FIFA para um selecionado é faturar, de cara, US$ 12 milhõesUS$ 2 milhões pela simples classificação e US$ 10 milhões pela fase de grupos. Passar às oitavas-de-final vale outros U$ 12 milhões; às quartas, US$ 18 milhões. Das semifinais em diante, a posição final define a premiação: US$ 25 milhões pelo quarto lugar, US$ 30 milhões pelo terceiro, US$ 40 milhões para o vice e US$ 50 milhões à seleção campeã.

A seleção brasileira foi a primeira seleção além do país-sede, Rússia, a se classificar para a Copa do Mundo de 2018. A FIFA projeta faturar cerca de 1,4 bilhão de euros com patrocínios na Copa do Mundo da Rússia em 2018. Apesar de alto à primeira vista, o valor é 8,2% menor do que foi no último Mundial, realizado no Brasil, em 2014.

Turistas

O Comitê de Organização da Copa do Mundo 2018 espera até 1,5 milhão de turistas estrangeiros para visitar a competição. Foram colocados à venda 3,2 milhões de ingressos. Considerando as viagens internas dentro do país-sede, o número de turistas pode dobrar e chegar a algo em torno de 3 milhões de visitantes.

Copa do Mundo

Jogos

A Copa do Mundo 2018 será realizada entre os dias 14 de junho e 15 de julho. A competição terá a participação de 32 seleções e 64 jogos. A peculiaridade na Copa da Rússia é que serão 12 estádios, com apenas 11 cidades-sede, pois a capital, Moscou, tem dois campos esportivos.

O estádio mais caro da Copa do Mundo de 2018 teve um custo que ultrapassa US$ 1,4 bilhão (cerca de R$ 4,8 bilhões). A Arena São Petersburgo, também conhecida com Arena Zenit, tem capacidade para 69.591 espectadores, fica na ilha de Krestrovsky e deixará como legado uma ponte levadiça ligando a área ao continente. A FIFA escolheu o país por causa do aumento do interesse da população russa no futebol, graças a investimentos financeiros no esporte, do aumento da importância da Primeira Liga Russa e a migração de jogadores estrangeiros.

Arena Zenit
Arena Zenit

Orçamento

O orçamento da organização do mundial passou de € 9,5 bilhões iniciais (R$ 36,3 bilhões) para € 10 bilhões (R$ 38,25 bilhões), um aumento de 5,4%. O valor supera os gastos com o Mundial no Brasil (cuja conta chegou aos R$ 25,5 bilhões, dos quais R$ 8 bilhões em estádios, segundo o TCU).

Do total do orçamento, 57,6% são procedentes de fundos federais. O restante é completado por “entidades jurídicas e econômicas”, ou seja, fundos privados ou empresas públicas. Ao conquistar o direito de sediar o Mundial de 2018, a Rússia se comprometeu com a construção de 9 estádios e a reforma de outros 3. Além disso, o país precisou investir na renovação de infraestrutura de transportes e na construção de hotéis.

>> Baixe seu E-Book gratuito Dicionário do COMEX 

 

Copa do Mundo

Mais artigos

Blog

Dinamismo do modal aéreo atrai Patricia Petean para a Logística Internacional

O dinamismo e agilidade da logística internacional no modal aéreo é o que me move todos os dias. Sou formada em Administração de Empresas, com pós-graduação em Logística Internacional, e atuo como gerente de vendas de cargas do Grupo AFKLM. Minha relação de amor com o setor começou quando eu fazia estágio em uma indústria

Blog

Palestra fala sobre Felicidade no Trabalho na Sala Allog da Univali

A felicidade profissional está diretamente ligada a gostar do que se faz. De acordo com o Alexandre Lima, consultor de empresas e desenvolvimento de pessoas e liderança, e professor de Eneagrama (IEA Associated), o estado de felicidade está relacionado à produção de forma equilibrada de quatro hormônios: endorfina, ocitocina, dopamina e serotonina. Alexandre foi o convidado da

Rolar para cima
Previous slide
Next slide