Quem já completou o álbum de figurinhas da Copa?

Compartilhe esse artigo

Pelas escolas, shoppings e encontros de crianças e adolescentes, só se fala disso. Os álbuns de figurinhas marcam simbolicamente o início do clima de Copa e atrai diversas faixas etárias do público brasileiro. O primeiro álbum oficial de figurinhas de futebol a circular no país foi o da Copa de 1950, realizada no Brasil. O produto era patrocinado pelas Balas Futebol, mais conhecidas pelos álbuns de figurinhas do que exatamente pelo sabor açucarado dos confeitos.

Um dado curioso: o álbum foi lançado meses depois do fim da Copa de 50, quando a Seleção Brasileira protagonizou a maior derrota de sua história, perdendo o título em casa para o Uruguai. Isso não impediu que o álbum virasse febre entre a criançada, alavancando as vendas da indústria de doces Americana, que fabricava as balas. O campeão Uruguai estampava a segunda página, depois da seleção canarinho.

Atualmente o Brasil é o grande protagonista quando se trata do consumo e coleção do álbum de figurinhas da Copa do Mundo. Dentre as 92 nações em que é comercializado, o país é o que mais vende a peça: a quantidade é maior que o dobro da segunda colocada, a Alemanha.

O ato de colecionar cromos contagia muitas pessoas e não tem idade. Abrir o envelope e notar o rosto daquele jogador que falta na coleção, ou mesmo se deslumbrar com as cromos mais brilhantes, é algo que resiste ao tempo e até hoje conquista gerações.

Atualmente, são produzidos cerca de oito milhões de envelopes por dia. Considerando que cada pacotinho contém cinco figurinhas, são 40 milhões de cromos fabricados todos os dias. E o ritmo de produção deve persistir até as datas próximas do Mundial na Rússia. O pacote com cinco figurinhas é vendido a R$ 2. O álbum, que conta com 682 figurinhas, custa R$ 7,90 e o álbum de capa dura: R$ 49,90 em forma de kit, com mais 60 figurinhas.

Veja Também:

 

Baixe seu E-Book gratuito Dicionário do COMEX – versão 2018

http://conteudo.allog.com.br/e-book-dicionario-do-comex

#AllogBrasil

Mais artigos

Incoterm FCA
Blog

Incoterm FCA – Entenda as responsabilidades

No incoterm FCA o vendedor completa suas obrigações quando entrega a mercadoria, desembaraçada para a exportação, aos cuidados do transportador internacional indicado pelo comprador, no local determinado. A partir daquele momento, cessam todas as responsabilidades do vendedor, ficando o comprador responsável por todas as despesas e por quaisquer perdas ou danos que a mercadoria possa

Página de conteúdo viral encara o Comex de forma divertida

Uma página no Facebook que nasceu como um perfil no Twitter com o objetivo de extravasar os contratempos do dia-a-dia na área do Comex e dar risada de si mesmo não para de crescer. Idealizado por Sinara Bueno, o Comex da Deprê (ou rede CDD) já contabiliza 57 mil seguidores no Facebook, 13,1k no Instagram,

Rolar para cima
Previous
Next