CIEAM: Allog é o primeiro agente de cargas a integrar entidade no Amazonas

Compartilhe esse artigo

O Grupo Allog, empresa especializada em logística internacional com unidades em diferentes regiões do Brasil – é o primeiro agente de cargas a associar-se ao Centro da Indústria do Estado do Amazonas (CIEAM). A entidade é ligada ao setor industrial com o propósito de atuar de maneira técnica e política em defesa de seus associados. Além disso, também está alinhada aos princípios da economia baseada na Zona Franca de Manaus (ZFM).

Gabriel Werneck, consultor de vendas da Allog Manaus, explica que a empresa se afiliou ao CIEAM para ajudar a desenvolver o mercado da região. Também busca oferecer soluções logísticas para as empresas estabelecidas no polo industrial. A empresa está entre os 10 maiores agentes de carga em volume embarcado no Brasil, tanto na importação como na exportação marítima.

CIEAM

A Zona Franca de Manaus é um modelo de desenvolvimento regional bem sucedido que gera mais de 500 mil empregos diretos e indiretos e que garantem a preservação de 97% da cobertura florestal do Amazonas. Em 2022, movimentou mais de R$ 177 bilhões, um aumento de 12% em relação ao ano anterior.

Ação Social

Como empresa associada do CIEAM, o Grupo Allog foi convidado a fazer a doação de cestas básicas para atender as populações ribeirinhas que estão em estado de calamidade por conta da seca dos rios no Amazonas. A empresa doou 30 unidades. A doação foi encaminhada pela Rede do Bem – grupo de voluntários do Grupo Allog. E atendeu a uma reivindicação da comissão de ESG (Environmental, Social and Governance) do CIEAM.

CIEAM

 

CIEAM

Mais artigos

Blog

Por que colecionadores de vinho adoram Biondi-Santi Brunello?

Mais tradicional e aristocrático vinho tinto da região de Montalcino, na Toscana, o Biondi Santi Brunello di Montalcino é uma das maiores propriedades históricas da Itália. A vinícola foi originalmente fundada pelo graduado em química Clemente Santi – conhecido em 1869 pelas duas medalhas de prata conquistadas por seu “vino rosso scelto (Brunello) de 1865”

Blog

Proximidade do Natal aumenta importações da China

Com a proximidade das festas de fim de ano, aumenta o volume de importações da China de produtos para o Natal. O desejo de montar uma decoração bonita, seja para receber convidados ou curtir o clima da época, também rende dividendos à atividade econômica no período. As importações vão desde brinquedos, produtos para lojas de

Rolar para cima
Previous slide
Next slide